A PREVENÇÃO DE DOENÇAS ESTÁ EM SUAS MÃOS

Manter as mãos limpas pode evitar uma série de infecções e salvar vidas. Veja a seguir como e em que momentos higienizar as mãos para se prevenir de doenças. Saiba por que isso é tão importante, os erros mais comuns e o que fazer para que a limpeza seja de fato eficiente.

Lavar ou higienizar: qual a diferença entre os dois?

O termo “lavagem das mãos” é melhor substituído por “higienização das mãos”, devido à maior abrangência deste procedimento. O processo engloba tanto o uso de água e sabonete quanto a aplicação de preparações alcoólicas (gel ou solução).

Por que higienizar as mãos é importante?

Usamos as mãos praticamente para tudo que fazemos e a pele é um reservatório de diversos microorganismos. Por meio do contato direto (pele com pele) ou indireto (toque em objetos e superfícies contaminadas), esses microrganismos podem se transferir de uma superfície para outra. As mãos são um veículo eficiente para a transmissão de infecções e bactérias.

Água com sabonete ou preparações alcoólicas: o que usar?

A higienização das mãos com preparações alcoólicas e com água e sabão são igualmente eficazes. Quando as mãos estiverem visivelmente sujas, água e sabão deverão ser utilizados.

Quando higienizar as mãos?

Há várias situações em que a higienização de mãos é obrigatória: antes, durante e depois do preparo de qualquer alimento; antes de tocar em qualquer coisa que vá à boca; antes e depois de pegar numa pessoa doente; após coçar ou assoar o nariz; antes e depois das refeições; após ir ao banheiro; antes e depois de tratar algum machucado ou ferimento; depois de trocar fraldas ou ajudar uma criança a se limpar; depois de tocar, alimentar ou limpar um animal; depois de manipular a comida ou objetos de seu gato ou cachorro e depois de tocar no lixo. {D0ϵ

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.